← Back to portfolio

Por que devemos iniciar o quanto antes os nossos investimentos?

O tempo é seu aliado mais importante quando se trata de investir, quanto mais cedo você começar, mais tempo você dá ao seu dinheiro para crescer e, quando você leva em conta o efeito dos juros compostos, não existe razão para adiar o investimento.

Então, você quer começar a investir, mas não sabe por onde começar? Nesse post vou explicar o que você precisa saber para iniciar no mundo dos investimentos.

Os primeiros passos

O quanto você economiza, é fator que determina quando você alcançará a independência financeira. Quanto mais cedo você começar, mais rápido vai chegar aos seus objetivos. E para isso, é necessário trabalhar algumas questões:

  • ● Onde eu devo investir?
  • ● Que tipos de contas preciso ter?

Antes de qualquer decisão, é preciso definir claramente o motivo de você fazer esses investimentos. Isto é, que objetivo específico você está tentando alcançar e quando vai precisar do dinheiro para cumprir esse objetivo?

Essas informações são necessárias, porque há uma diferença entre como investir para metas de curto prazo e como investir para metas de longo prazo.

Pré-estabelecendo Metas e Prazos

Para metas de curto prazo, você pode colocar o dinheiro em uma conta poupança, ou em investimentos com liquidez diária e que possa resgatar a qualquer momento, sem prejuízos.

Então você pode calcular quanto dinheiro vai precisar para um objetivo específico, dividir esse valor pelo número de meses pré-determinados, e fazer disso a sua meta de economia ou investimento mensal.

As metas de investimento a longo prazo oferecem mais flexibilidade e retornos maiores. Com mais tempo para o investimento render, você tem a oportunidade de assumir um pouco mais de risco e gerar ganhos ainda maiores.

Por que investir é tão importante?

Busque meios de ter mais segurança e liberdade financeira, tente não depender de apenas uma única fonte de renda. E invista para garantir uma aposentadoria financeiramente tranquila.

Veja porque você deve começar a investir:

  • Investir é uma ótima maneira de economizar para a aposentadoria.
  • Investir vai ajudar você a alcançar os seus objetivos financeiros. Como por exemplo, comprar a sua casa, trocar de carro, começar um novo negócio, viajar pelo mundo, etc.
  • Investir é uma ótima maneira de gerar uma renda passiva a longo prazo.

Você pode conseguir tudo isso com o dinheiro que ganhará por seus investimentos. Lembra do juro composto? Pois é, quanto mais cedo você começar, mais cedo vai alcançar as suas metas.

É possível investir com pouco dinheiro

Todos temos contas a pagar, mas o importante é se pagar primeiro! Esta é a melhor forma de conseguir economizar todos os meses. Recebeu o pagamento hoje? Imediatamente transfira 10% do valor para a poupança ou para a sua corretora de investimentos.

Comece com investimentos de menor risco

Para quem está comentando, a recomendação é encontrar possibilidades de investimento com baixo risco, como investimentos em Renda Fixa, onde é possível investir a partir de R$ 30,00, além de ter rentabilidade maior do que a poupança e com a mesma segurança.

Contar com a experiência de um Consultor Financeiro vai gerar um grande um impacto em seus objetivos financeiros. Com conhecimentos bem fundamentados, o profissional sabe como estruturar metas e planejar investimentos para gerar os melhores resultados.

Tipos de investimentos

Investir pode ser um pouco assustador no início, quando tudo parece ser muito complicado e difícil de entender.

Mas, à medida em que você aprende sobre como investir e diversificar os investimentos, naturalmente você começa a entender o processo, e tudo fica mais fácil.

Renda Fixa

É o tipo de investimento mais seguro do mercado, já que as chances de você perder dinheiro são quase nulas. É possível investir com pouco dinheiro e garantir bons retornos a médio e longo prazos.

A maioria dos investimentos em renda fixa conta a garantia do FGC (Fundo Garantidor de Crédito), que protege os investimentos de até 250.000,00.

Existem algumas corretoras que não cobram taxas de corretagem para investimentos em renda fixa, e você pode investir com garantias de retorno.

Renda Variável

Esse é o tipo de investimento para quem está disposto a arriscar para ter ganhos altos. E o risco se torna maior por não possuir garantia do FGC.

Os investimentos mais comuns nessa modalidade são: Ações e FII’s.

  • Ações de empresas sólidas no mercado, com um excelente histórico na Bolsa de Valores e que pagam bons dividendos, consequentemente possuem menor risco, mas nada é garantido. Porque se a empresa decretar falência, os acionistas podem perder todo o dinheiro investido nas ações.
  • Os FII’s (Fundos Imobiliários) são cotas de empreendimentos comerciais alugados, como por exemplo, hospitais, galpões logísticos, shopping center, prédios comerciais, entre outros. Quando o investidor compra cotas ou fundos desses empreendimentos, passa a receber mensalmente parte do valor desses alugueis.

Uma recomendação: estude muito e comece pelos investimentos em Renda Fixa, até você se sentir confiante o suficiente para explorar os outros tipos de investimento.

Reserva de Emergência

A reserva de emergência é a primeira coisa que você deve estruturar, antes de começar a economizar para seus objetivos. Isso porque nunca sabemos quando pode acontecer um imprevisto com a saúde, com o imóvel ou mesmo com o emprego.

Para criar a sua reserva, liste o quanto você gasta por mês e economize o equivalente a 3 meses das suas despesas atuais. Use a renda fixa para montar a sua reserva, ela vai render mais do que na poupança.

Agora que você entendeu a importância de começar a investir, o que vai fazer a partir de hoje para conquistar a sua liberdade financeira e garantir uma aposentadoria confortável?



Close